Logo
Regional

Utentes do autocarro Viana do Castelo-Porto reclamam soluções de “equidade tarifária”

27 Março, 2024 | 11:31
Partilhar
Viana TV
3 min. leitura

Utentes do autocarro Viana do Castelo-Porto alertaram hoje para a ausência de soluções para os 200 euros mensais da deslocação e para uma “equidade tarifária” com o praticado no país, apesar da “disponibilidade” manifestada por várias entidades.

A reivindicação é feita numa carta aberta dirigida aos presidentes das câmaras do Porto e de Viana do Castelo, da Área Metropolitana do Porto (AMP) e da Comunidade Intermunicipal (CIM) do Alto Minho, a que a Lusa teve acesso.

“Da mesma maneira que foi possível, em poucos dias, encontrar uma solução para a ligação rodoviária direta de Braga ao Porto, via A3, solicitamos que, volvidos mais de 15 dias de se terem manifestado favoráveis à criação de uma carreira inter-regional Porto–Viana do Castelo pela A28, ponham em prática aquilo que já todos acordaram e devolvam às populações a possibilidade de utilizarem transportes públicos em condições de equidade” com o resto do país, afirmam os utentes.

Os passageiros lamentam que “nestes três meses de 2024” se assista “ao total abandono da promoção das deslocações pendulares em transportes públicos entre Viana do Castelo e o Porto, com cada vez mais utilizadores a fazerem uso do automóvel particular, a abandonar os estudos e os empregos ou a ficarem à mercê da precariedade dos preços e das carreiras dos operadores privados, atento o custo de 170 euros a mais [relativamente a 2023]”, num total de 200 euros mensais, assinalam os utentes.

Os passageiros lembram que na “reunião promovida pelo presidente da Câmara do Porto com o presidente da Câmara de Viana do Castelo”, a 11 de março, “todas as entidades se manifestaram disponíveis para encontrar uma solução que permita a mobilidade em transporte público entre Viana do Castelo e Porto em condições de equidade tarifária com o praticado na generalidade do país”.

“Apesar da urgência da situação, desconhecem-se quaisquer desenvolvimentos até à presente data”, lamentam.

Os utentes assinalam que o problema foi “criado pela Câmara de Viana do Castelo, quando, em janeiro, decidiu reduzir para metade o apoio concedido aos utilizadores da carreira rodoviária Viana–Esposende–Porto, sem a existência de qualquer alternativa e sem ter desenvolvido quaisquer diligências no sentido de assegurar um serviço público de transporte coletivo de baixo custo, à semelhança do que existe na generalidade do país e em particular na região Norte”.

“Em sentido contrário, a Câmara de Esposende, reconhecendo a falta de alternativas e necessidade de promover efetivamente a utilização de transporte público, manteve o seu apoio inalterado, registando com sucesso o aumento contínuo de utilizadores”.

A 11 de março, os presidentes das câmara do Porto e de Viana do Castelo remeteram para a AMP e para a CIM Alto Minho uma solução para o autocarro inter-regional, comprometendo-se a apoiá-la financeiramente.

O autarca do Porto, Rui Moreira, indicou que o apoio será não só formal mas também financeiro: “Podemos encontrar forma de lançar um serviço inter-regional, como temos com Braga, e a partir daí encontrarmos forma de, entre nós, dividirmos o que for o défice tarifário”.

Questionado sobre quando será possível alcançar um acordo para uma solução, Rui Moreira disse não poder exigir à CIM do Alto Minho e à AMP que “resolvam o assunto amanhã”, mas se quiserem “resolvem rapidamente”, tal como sucedeu com a linha para Braga.

“Só precisamos de uma coisa: que não compliquem. Se não complicarem, resolve-se rapidamente”, asseverou.

Em janeiro, os utilizadores do autocarro expresso pela autoestrada A28 entre Viana do Castelo e o Porto, que pagavam 88 euros mensais, passaram a pagar 171,60 euros (22 dias x 2 viagens x 3,90 euros), devido a uma redução do apoio dado pela Câmara de Viana do Castelo.

A 30 de janeiro pediram ajuda ao presidente da Área Metropolitana do Porto (AMP) na implementação de um “passe único”, reivindicado desde 2019.

A Blisq Creative é uma agência de comunicação, especialista em planeamento estratégico, marketing digital, design e web. Orientamo-nos pela estratégia e pela criatividade

Programas de Autor

Episódios Recentes Ver Mais

Notícias

Cultura 19 Abril, 2024

Caminha: Exposição “50 anos, 50 autores, 50 obras” inaugura amanhã

A Galeria Guntilanis, em Vila Praia de Âncora, no concelho de Caminha, inaugura, este sábado, 20 de abril, pelas 16h00, a exposição "50 anos, 50 autores, 50 obras".

Regional 19 Abril, 2024

Três portugueses suspeitos de integrar rede criminosa espanhola

Três portugueses estão a ser investigados no âmbito do desmantelamento de uma alegada rede criminosa que operava na Galiza e no Norte de Portugal para fornecer lanchas para o narcotráfico, revelou à Lusa fonte da Guardia Civil espanhola.

Regional 19 Abril, 2024

Vila Nova de Cerveira organiza concerto solidário para ajudar o pequeno João

O Pavilhão Multiusos de Vila Nova de Cerveira vai acolher, este sábado, 20 de abril, o concerto solidário “Juntos conquistamos o futuro do João”, que visa angariar fundos para a aquisição de material adaptado à doença genética rara diagnosticada ao João, um menino de 4 anos, de Vila Nova de Cerveira.

Regional 19 Abril, 2024

Acidente de trabalho em armazém de materiais de construção faz um ferido grave

Um homem de 49 anos ficou hoje gravemente ferido ao ficar preso entre um camião e paletes de cimento num armazém de material de construção em São Romão do Neiva, Viana do Castelo, disse fonte da GNR.

Regional 19 Abril, 2024

Caminha: Homem detido por alegado tráfico com laboratório doméstico para preparar droga

Um homem de 35 anos foi detido por alegado tráfico de droga em Caminha, numa operação da GNR que levou à “descoberta de um pequeno laboratório doméstico para a preparação e transformação da substância estupefaciente”, foi hoje revelado.

Regional 19 Abril, 2024

Demonstração de meios da Proteção Civil municipal leva centenas ao Campo d’Agonia

Na manhã desta sexta-feira, o Campo d’Agonia acolheu uma demonstração de meios da Proteção Civil Municipal, numa iniciativa aberta a toda a comunidade que contou com a visita de centenas de alunos das escolas vianenses e utentes de instituições.

Desporto 19 Abril, 2024

Vianense SAD “não apoia qualquer lista” candidata às eleições do Clube

Para terminar de vez com com especulações, a Sport Clube Vianense, Futebol SAD, emitiu um comunicado a descarta o seu apoio a qualquer lista candidata no ato eleitoral do Sport Club Vianense, marcado para o próximo dia 24 de maio de 2024.