Logo
Nacional

Em 6.750 partos apenas 24 grávidas foram transferidas para o privado

12 Setembro, 2023 | 11:10
Partilhar
Viana TV
3 min. leitura

Nos cerca de 6.750 partos realizados entre 01 de junho e 10 de setembro na região de Lisboa e Vale do Tejo, apenas 24 grávidas foram transferidas para hospitais privados (0,13%), segundo dados hoje divulgados pela Direção Executiva do SNS.

“Esta transferência em alturas de pico foi sempre muito reduzida, menos de 1%, o que significa claramente que o SNS cumpriu com a sua função, mesmo neste período mais complicado, e isto dá-nos, naturalmente, uma expectativa favorável para o futuro”, disse à agência Lusa o diretor executivo do SNS, lembrando que no âmbito da “Operação Nascer em Segurança no SNS – Verão 2023” foram celebrados acordos com três entidades privadas para servir de complemento.

Num balanço provisório da operação, Fernando Araújo afirmou que “foi um processo complexo em função das férias dos profissionais e em função de muitos outros problemas que aconteceram durante este período”, como greves, mas sublinhou que, “apesar disso tudo, a operação decorreu de forma muito tranquila e organizada”.

Segundo Fernando Araújo, a previsibilidade do ponto de vista dos locais abertos e a funcionar manteve-se de “forma muito robusta, o que dá, e deu, seguramente confiança às grávidas e segurança aos profissionais”.

“Apesar deste período mais exigente, pensamos que a resposta que foi dada pelos profissionais e pelas instituições garantiu seguramente cuidados de qualidade às grávidas e os números assim o demonstram, nomeadamente na região do Vale do Tejo [LVT], a região mais complexa, em que aumentou o número de partos que ocorreram no SNS”, declarou.

Entre janeiro e agosto, registaram-se em LVT 16.155 partos (excluindo os do Centro Hospitalar do Oeste, que tem o bloco de partos integrado no Centro Hospitalar de Leiria, pertencendo à região do Centro), mais cerca de 500 partos (+3,2%) face ao período homólogo de 2022.

Sobre como está a decorrer a concentração do serviço de Ginecologia/Obstetrícia do Hospital Santa Maria, que está a ser alvo de obras de ampliação, no Hospital São Francisco Xavier, em Lisboa, Fernando Araújo disse que não houve “nenhum problema do ponto de vista de resposta”, salientando o empenho dos profissionais de saúde.

“Alguns deles não concordavam com a solução, mas cumpriram sempre com o seu dever, estiveram sempre nas equipas e a responder com muita qualidade e, portanto, eu diria que neste momento, o processo de instalação no São Francisco Xavier está a decorrer de forma muito tranquila”, disse, sublinhando que neste momento a avaliação “é favorável”.

Questionado sobre se a saída anunciada de seis obstetras do Hospital Santa Maria pode complicar esta operação, Fernando Araújo afirmou que “o plano é robusto” e vai ser avaliado. “Vai ser preparado agora para os próximos meses, mas não nos parece que essas eventuais saídas poderão colocá-lo em causa”, referiu.

O diretor executivo do SNS realçou que os centros hospitalares Lisboa Norte (Santa Maria) e Lisboa Ocidental (São Francisco Xavier), “são instituições muito fortes, são serviços com uma história, com uma competência e com um saber dos profissionais que nos dá uma garantia que quando estão juntos, no caso, as respostas são sempre de enorme segurança, são sempre respostas diferenciadas”, nomeadamente nos casos mais complicados.

Também questionado sobre se a “Operação Nascer em Segurança” é para continuar, Fernando Araújo adiantou que está ser avaliado com as instituições como decorreu este período, ressalvando que as decisões da direção executiva “são sempre baseadas no envolvimentos e no diálogo com as instituições e os profissionais”.

“Portanto, a decisão que vier a ser tomada no final deste mês para esta nova fase do plano (…) será sempre uma decisão muito fundamentada, muito envolvida, para que depois, naturalmente, resulte no terreno como tem acontecido até agora”, disse Fernando Araújo.

A Blisq Creative é uma agência de comunicação, especialista em planeamento estratégico, marketing digital, design e web. Orientamo-nos pela estratégia e pela criatividade

Programas de Autor

Episódios Recentes Ver Mais

Notícias

Regional 23 Maio, 2024

Séniores valencianos visitam Barcelos

Cerca de quatro centenas de valencianos participaram na primeira parte do Passeio Sénior Anual, organizado pelo Município de Valença, visitando a cidade de Barcelos.

Regional 23 Maio, 2024

II Ciclo de Concertos de Órgão de Ponte de Lima de 26 de maio a 30 de junho

O Município de Ponte de Lima em conjunto com a Associação Organum e o apoio do Secretariado de Liturgia da Diocese de Viana do Castelo promovem o II Ciclo de Concertos de Órgão de Ponte de Lima, entre os dias 26 de maio e 30 de junho de 2024.

Regional 23 Maio, 2024

Colisão entre dois veículos faz seis feridos ligeiros e corta EN13 em Caminha

Uma colisão entre dois veículos ligeiros na freguesia de Moledo e Cristelo, no concelho de Caminha, causou hoje seis feridos ligeiros e obrigou ao corte da circulação rodoviária na Estrada Nacional (EN) 13, disse fonte da Proteção Civil.

Desporto 23 Maio, 2024

Lista de Rui Pedro Silva avança sozinha para eleições do SC Vianense

Rui Pedro Silva será reeleito presidente da direção do Sport Clube Vianense nas eleições marcadas para a próxima sexta-feira, 24 de maio. Em conferencia de imprensa, Luís Louro, presidente da mesa da Assembleia Geral, anunciou que a lista de Rui Pedro será a única que se apresentará a sufrágio.

Regional 23 Maio, 2024

Ponte de Lima promove Jornadas de Cultura Popular com programa diversificado

Nos dias 31 de maio e 1 de junho realiza-se no Centro de Interpretação do Território as Jornadas de Cultura Popular que visam debater e refletir sobre o vasto património cultural, englobando os temas da ruralidade, da tradição, do sagrado e do profano, os modos de vestir, a alimentação e o jogo do pau.

Regional 23 Maio, 2024

Cientista Valenciana inspira jovens alunos

Programa Pedagógico "Cientistas Regressam à Escola", promovida pelo Município de Valença, contou com a participação da jovem cientista valenciana Cláudia Alves.

Nacional 23 Maio, 2024

Ilha Terceira regista sismo de magnitude 2,7 na escala de Richter

Um sismo de magnitude 2,7 na escala de Richter foi registado esta madrugada na Terceira, nos Açores, um evento que se insere na crise sismovulcânica em curso na ilha desde junho de 2022, foi hoje anunciado.