Logo
Nacional

Doentes crónicos já podem levantar medicação nas farmácias

25 Outubro, 2023 | 16:10
Partilhar
Viana TV
3 min. leitura

Utentes com doença crónica ou que necessitem de tratamentos de longa duração, após avaliação médica, podem levantar desde hoje a sua medicação na farmácia, deixando de precisar de renovar as receitas no centro de saúde durante um ano.

O arranque do novo serviço de renovação da medicação para doentes crónicos nas farmácias foi assinalado hoje pelo ministro da Saúde, Manuel Pizarro, pelo diretor-executivo do SNS, Fernando Araújo, pela presidente da Associação Nacional de Farmácias, Ema Paulino, e pelo bastonário da Ordem dos Enfermeiros, Hélder Mota Filipe, na Unidade de Saúde Familiar Alto dos Moinhos, em Lisboa, de onde seguiram para uma farmácia acompanhar todo o circuito necessário à execução desta medida.

No final da visita, Fernando Araújo destacou o benefício desta medida que permite também deixar de haver limite do número de embalagens a prescrever para medicamentos destinados ao tratamento de doenças crónicas, sendo que nos casos de tratamentos prolongados bastará que o médico assinale essa opção na receita, indicando a posologia e a duração do tratamento.

Agradecendo às entidades que colaboraram nesta iniciativa, o diretor-executivo do SNS recordou que era um projeto solicitado há muitos anos, “que melhora realmente a questão do acesso, reduz, por vezes, até os problemas de adesão por falta de receitas”.

Por outro lado, apontou, “retira trabalho administrativo dos médicos e, acima de tudo, traz um papel fundamental ao farmacêutico das farmácias de comunidade, que é muito importante” do ponto de vista do sistema de saúde.

Fernando Araújo salientou que o facto de o farmacêutico poder enviar notas ao médico sobre dúvidas ou questões relativas ao utente, “o que é um aumento da segurança enorme, aumento da qualidade”.

“Acho que é um passo fundamental neste percurso que estamos a fazer de termos connosco as farmácias de comunidade no nosso sistema de saúde e temos, acima de tudo, proximidade de acesso para os utentes”, salientou.

O ministro da Saúde também realçou as vantagens desta medida para as pessoas com doenças crónicas, “que são uma grande parte dos portugueses” que vão deixar de ter que ir ao centro de saúde de mês a mês ou de dois em dois meses apenas para renovar a sua receita.

“Não se trata de limitar o acesso ao médico de família, antes pelo contrário”, ressalvou Manuel Pizarro, notando ainda que, com esta medida, desaparece o risco dos doentes perderem a receita ou de a extraviarem.

Desde hoje, basta estes doentes darem ao farmacêutico autorização para utilizar o número de cartão de utente e recebem no telemóvel uma confirmação dessa autorização e a farmácia passa a ter acesso à prescrição que o utente faz.

“Isso facilita imenso a vida das pessoas. Por outro lado, vai aliviar a pressão sobre o sistema de saúde” que precisa estar “o mais liberto possível para tratar as pessoas que precisam de cuidados médicos, cuidados de enfermagem, cuidados diversos”, notou o governante.

Para a presidente da Associação Nacional de Farmácias, Ema Paulino, este projeto é um “passo na direção certa”, manifestando-se convicta de que será também “uma porta aberta para outras intervenções” que possam vir a identificar “como úteis nesta articulação multidisciplinar entre as diferentes instituições de saúde que prestam cuidados ao cidadão”.

A iniciativa envolveu a colaboração de várias entidades, desde logo a Direção Executiva do SNS, a Ordem dos Médicos, a Ordem dos Farmacêuticos, o Infarmed, os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, a Direção-Geral da Saúde, a Associação Nacional das Farmácias e a Associação de Farmácias de Portugal.

A Blisq Creative é uma agência de comunicação, especialista em planeamento estratégico, marketing digital, design e web. Orientamo-nos pela estratégia e pela criatividade

Programas de Autor

Episódios Recentes Ver Mais

Notícias

Regional 17 Maio, 2024

APPACDM de Viana do Castelo vence IV Jornadas Inclusivas de Paredes

A Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental (APPACDM) de Viana do Castelo conquistou a primeira classificação nas IV Jornadas Inclusivas – Paredes, no Porto.

Regional 17 Maio, 2024

Ponte de Lima organiza segundo simpósio internacional de gastronomia em julho

A Câmara de Ponte de Lima e o Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC) organizam o segundo simpósio dedicado ao património gastronómico do Alto Minho, a 04 e 05 de julho, no Palacete Villa Moraes.

Regional 17 Maio, 2024

Município de Viana do Castelo constitui Conselho Municipal de Baldios

A Câmara de Viana do Castelo instalou o Conselho Municipal de Baldios de Viana do Castelo, órgão de natureza consultivo constituído por representantes das 13 unidades de baldios do concelho.

Regional 17 Maio, 2024

Carlos Plácido vai pedalar cerca de 500 quilómetros até Lisboa

Um transplante pulmonar permitiu a Carlos Plácido, de Santa Marta de Portuzelo, em Viana do Castelo, voltar a andar de bicicleta. Agora, em forma de agradecimento e encorajamento de outros doentes em lista de espera, quer realizar um sonho: ir à consulta no hospital de Santa Marta, em Lisboa, a pedalar.

Regional 17 Maio, 2024

Navio NRP Rio Minho aberto a visitas no fim de semana

O navio NRP Rio Minho, em missão naquele troço internacional de água, está atracado no cais do Parque de Lazer do Castelinho, em Vila Nova de Cerveira, de portas abertas a visitantes durante o fim de semana.

Regional 17 Maio, 2024

Mais habitações da freguesia de Mujães com ligação à rede de saneamento

A estação elevatória de águas residuais de Agra da Aldeia, freguesia de Mujães, em Viana do Castelo, entrou em funcionamento, permitindo a ligação ao saneamento da rede pública de 55 fogos, servindo 111 habitantes.

Regional 17 Maio, 2024

Insufláveis, torneio de futebol ou “Festa do Sável” abrilhantam o Dia Mundial da Criança em Lanhelas

A freguesia de Lanhelas, no Município de Caminha, vai assinalar o Dia Mundial da Criança, 1 de junho, com várias atividades, para miúdos e graúdos, no Estádio Ilídio Couto, no Cruzeiro da Independência e nos Jardins de São Gregório.