Logo
Regional

Arquivo Municipal de Viana do Castelo disponibiliza documentação ao público há 110 anos

3 Novembro, 2022 | 17:58
Partilhar
Eduarda Alves
1 min. leitura

O Arquivo Municipal de Viana do Castelo assinala hoje os 110 anos da data em que começou a disponibilizar documentação ao público. O arquivo vianense é o primeiro do século passado e o segundo no contexto nacional, dado que o de Lisboa data de 1863, a disponibilizar a sua documentação ao público, desde 3 de novembro de 1912, agregado à Biblioteca Pública Municipal.

O seu documento mais antigo data de 1262 e corresponde a um pergaminho que regista a troca com o Bispo de Tui para a fundação de Viana.
No seu valiosíssimo espólio possui dois documentos assinados por Fernão Lopes, patriarca dos nossos historiadores, guardador das escrituras do tombo e chaves delas, de quem se conhecem apenas vinte certidões por ele emitidas: 1437, junho, 25, Lisboa – Treslado das Inquirições de 1258 referentes a Viana; e 1437, junho, 26, Lisboa – Treslado do foral que o rei D. Afonso III concedeu ao concelho de Viana.

Júlio de Lemos (1878-1960), que dirige esta unidade administrativa e cultural entre 1911 e 1938, ordenou e catalogou cerca de 2.360 livros, testemunha que este arquivo é, entre os seus congéneres, um dos mais importantes do país, como reconheceu Herculano, quando por lá passou em setembro de 1854 e dele levou para a Torre do Tombo documentos que não voltaram ao seu lugar.

O notável diplomatista Dr. João Pedro Ribeiro, que em 1790 também visitou este cartório comunal, não o excluindo do número daqueles em que notara que “tudo se achava em confusão”, regista que no Arquivo Municipal de Viana do Castelo viu Cartas Régias e Provisões desde o reinado de D. João II e, entre elas, uma de D. António, datada de Lisboa a 24 de julho de 1580.

Recorde-se que, desde há cerca de um mês, está disponível para consulta gratuita dos cidadãos, a página do Arquivo Municipal de Viana do Castelo. A plataforma tem já disponíveis para consulta alguns milhares de documentos, sendo constantemente alimentada e atualizada com nova informação.

Assim, está disponível na página https://arquivo.cm-viana-castelo.pt/ um conjunto de informação variado, que inclui 2.000 postais, 1.600 fotografias e cerca de 300 livros de atas. 

A página do arquivo municipal encontra-se dividida em secções, como Fotografia, Atas da Câmara Municipal e Arquivos Pessoais. Para consulta, em destaque, encontra-se uma Coleção de Postais, o Foral de Viana e uma Coleção de Iluminuras. 

A Blisq Creative é uma agência de comunicação, especialista em planeamento estratégico, marketing digital, design e web. Orientamo-nos pela estratégia e pela criatividade

Programas de Autor

Episódios Recentes Ver Mais

Notícias

Regional 21 Maio, 2024

Governo pede urgência em inquérito à morte de doente no hospital de Viana do Castelo

O Ministério da Saúde pediu que o inquérito aberto pela Unidade Local de Saúde do Alto Minho para apurar as circunstâncias da morte de um doente no hospital de Viana do Castelo “decorra com a urgência desejável”.

Regional 21 Maio, 2024

Três hectares de baldios em Arcos de Valdevez reflorestados com 1.350 laranjeiras

A REN – Redes Energéticas Nacionais e a União de Freguesias de São Jorge e Ermelo, em Arcos de Valdevez, plantaram hoje mais de 1.350 laranjeiras em três hectares de terrenos atravessados por linhas de transporte e energia.

Regional 21 Maio, 2024

Foco de surto de ‘legionella’ em Caminha que causou um morto ficou por identificar

O surto de ‘legionella’ que surgiu em novembro em Caminha afetou 10 pessoas, provocou um óbito e a fonte de contaminação não foi identificada, revelou hoje à Lusa o delegado de Saúde do Alto Minho.

Regional 21 Maio, 2024

Hospital de Viana do Castelo abre inquérito à morte de doente na urgência

A Unidade Local de Saúde do Alto Minho abriu um processo de inquérito para apurar as circunstâncias da morte de um homem na urgência do hospital de Viana do Castelo, na sexta-feira, a quem foi atribuída a pulseira verde.

Regional 21 Maio, 2024

CIM Alto Minho formaliza assinatura do Compromisso C-Academy com CNCS

A Comunidade Intermunicipal do Alto Minho (CIM Alto Minho) e o Centro Nacional de Cibersegurança (CNCS) acabam de formalizar a assinatura do Compromisso C-Academy, que comtempla o desenvolvimento de um programa de formação avançada em cibersegurança destinado a colaboradores das câmaras municipais e da comunidade intermunicipal.

Regional 21 Maio, 2024

Caminha: Presidente da APIMIL explicou perigos da proliferação da Vespa Asiática e métodos de combate

A vespa velutina ou asiática veio para ficar e as alterações climáticas vão alargar as áreas onde a espécie está presente. São perigosas, têm enorme impacto nos apiários, na economia, no ambiente e até na saúde pública, mas a boa notícia é que são controláveis e com relativa facilidade, através de “armadilhas” que todos temos em casa. A ideia poderia de alguma forma sintetizar a comunicação do presidente da APIMIL - Associação dos Apicultores de Entre-Minho e Lima, Alberto Dias, ontem, na sessão que assinalou o Dia Mundial da Abelha e que teve lugar na Incubadora Verde, em Argela.

Cultura 21 Maio, 2024

“Cantar de Galo” sobe ao palco do centro cultural de Paredes de Coura 

Esta sexta-feira, dia 24 de maio, a companhia Mala Voadora traz a Paredes de Coura a sua recente estreia "Cantar de Galo", que culmina numa discussão entre o Galo de Barcelos e Salazar. Um "solo" de Jorge Andrade com texto do Pulitzer Robert Schenkkan, no Centro Cultural, às 21h30.