Logo
Regional

Vila Nova de Cerveira aprova florestação de 30ha junto à Quinta das Mineirinhas

16 Novembro, 2023 | 9:50
Partilhar
Pedro Xavier
2 min. leitura

A Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira vai avançar com a florestação e aproveitamento de regeneração natural, em cerca de 30ha no Chão de Vilar, na União de Freguesias de Vila Nova de Cerveira e Lovelhe.

A candidatura ao PRR 2020 foi aprovada, visando a execução do Plano de Gestão Florestal da Unidade de Gestão Florestal Quinta das Mineirinhas, num investimento total de 142 mil euros, comparticipado em 85%, dos quais 28 mil euros são suportados pelo Município.

Neste momento, o Plano de Gestão Florestal da Unidade de Gestão Florestal Quinta das Mineirinhas encontra-se em consulta pública até 28 de novembro, assumindo uma grande importância pela localização centralizada, a menos de 2kms do centro da vila. Com um solo dominado por matos, o objetivo desta intervenção passa por uma limpeza florestal, aproveitando as folhosas existentes e adensando plantação de povoamentos florestais nas zonas onde escasseiam, com recurso a espécies como carvalhos, castanheiros, nogueiras bravas, freixos e cupressus.

O Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira explica que este projeto se enquadra na estratégia ambiental municipal, “uma das preocupações e prioridades deste executivo, procurando aumentando a resiliência de zonas vulneráveis face aos riscos associados às alterações climáticas, em particular os incêndios rurais e a perda da biodiversidade, promovendo o crescimento sustentável e a coesão territorial”. Rui Teixeira reforça a necessidade de “um plano de reflorestação concelhio que se coadune com a realidade e com as especificidades do território cerveirense e, neste caso específico, acresce a devolução da silhueta verde daquela encosta tão singular para o património natural e turístico do concelho”.

A reabilitação dos ecossistemas florestais, através de arborizações em descontinuidade, de modo a criar áreas de folhosas consideradas como espécies de excelência e a mais aptas para este tipo de terrenos, vai contribuir para a minimização do risco de incêndio e redução de pragas e doenças, potenciando a produtividade dos povoamentos e a reabilitação de ecossistemas florestais com espécies autóctones, para a proteção dos valores fundamentais do solo e água e para a melhoria da qualidade paisagística dos espaços florestais.

Com uma duração de 17 anos (até 2039), o Plano de  Gestão Florestal da Unidade Florestal da Quinta das Mineirinhas apresenta-se como um instrumento de administração de espaços florestais, com um conjunto de medidas, ações, operações e técnicas silvícolas que, ao serem implementadas, permitirão a esta unidade florestal convergir para os objetivos gerais do Programa Regional de Ordenamento Florestal Entre Douro e Minho (PROF EDM) e para a Estratégia Nacional de Conservação da Natureza e Biodiversidade 2030.

A Blisq Creative é uma agência de comunicação, especialista em planeamento estratégico, marketing digital, design e web. Orientamo-nos pela estratégia e pela criatividade

Programas de Autor

Episódios Recentes Ver Mais

Notícias

Regional 21 Maio, 2024

Governo pede urgência em inquérito à morte de doente no hospital de Viana do Castelo

O Ministério da Saúde pediu que o inquérito aberto pela Unidade Local de Saúde do Alto Minho para apurar as circunstâncias da morte de um doente no hospital de Viana do Castelo “decorra com a urgência desejável”.

Regional 21 Maio, 2024

Três hectares de baldios em Arcos de Valdevez reflorestados com 1.350 laranjeiras

A REN – Redes Energéticas Nacionais e a União de Freguesias de São Jorge e Ermelo, em Arcos de Valdevez, plantaram hoje mais de 1.350 laranjeiras em três hectares de terrenos atravessados por linhas de transporte e energia.

Regional 21 Maio, 2024

Foco de surto de ‘legionella’ em Caminha que causou um morto ficou por identificar

O surto de ‘legionella’ que surgiu em novembro em Caminha afetou 10 pessoas, provocou um óbito e a fonte de contaminação não foi identificada, revelou hoje à Lusa o delegado de Saúde do Alto Minho.

Regional 21 Maio, 2024

Hospital de Viana do Castelo abre inquérito à morte de doente na urgência

A Unidade Local de Saúde do Alto Minho abriu um processo de inquérito para apurar as circunstâncias da morte de um homem na urgência do hospital de Viana do Castelo, na sexta-feira, a quem foi atribuída a pulseira verde.

Regional 21 Maio, 2024

CIM Alto Minho formaliza assinatura do Compromisso C-Academy com CNCS

A Comunidade Intermunicipal do Alto Minho (CIM Alto Minho) e o Centro Nacional de Cibersegurança (CNCS) acabam de formalizar a assinatura do Compromisso C-Academy, que comtempla o desenvolvimento de um programa de formação avançada em cibersegurança destinado a colaboradores das câmaras municipais e da comunidade intermunicipal.

Regional 21 Maio, 2024

Caminha: Presidente da APIMIL explicou perigos da proliferação da Vespa Asiática e métodos de combate

A vespa velutina ou asiática veio para ficar e as alterações climáticas vão alargar as áreas onde a espécie está presente. São perigosas, têm enorme impacto nos apiários, na economia, no ambiente e até na saúde pública, mas a boa notícia é que são controláveis e com relativa facilidade, através de “armadilhas” que todos temos em casa. A ideia poderia de alguma forma sintetizar a comunicação do presidente da APIMIL - Associação dos Apicultores de Entre-Minho e Lima, Alberto Dias, ontem, na sessão que assinalou o Dia Mundial da Abelha e que teve lugar na Incubadora Verde, em Argela.

Cultura 21 Maio, 2024

“Cantar de Galo” sobe ao palco do centro cultural de Paredes de Coura 

Esta sexta-feira, dia 24 de maio, a companhia Mala Voadora traz a Paredes de Coura a sua recente estreia "Cantar de Galo", que culmina numa discussão entre o Galo de Barcelos e Salazar. Um "solo" de Jorge Andrade com texto do Pulitzer Robert Schenkkan, no Centro Cultural, às 21h30.