Logo
Regional

Unidade Móvel de Saúde já atendeu quase 10 mil pessoas nas freguesias de Viana do Castelo

20 Fevereiro, 2024 | 15:42
Partilhar
Viana TV
3 min. leitura

A Unidade Móvel de Saúde, iniciativa da Câmara Municipal de Viana do Castelo em parceria com o Centro Humanitário do Alto Minho, já atendeu, nos últimos três anos, quase dez mil pessoas em diversas freguesias do concelho vianense.

A Unidade desloca-se às freguesias de segunda a sexta-feira, de acordo com uma calendarização anual, assegurando uma resposta direta no âmbito da prestação de cuidados de saúde à população em geral e, em particular, a idosos na sua área de residência.

Só no ano de 2023, foram promovidos 4.177 atendimentos em 23 freguesias do concelho – Afife, Areosa, Cardielos, Carreço, Carvoeiro, Deão, Freixieiro de Soutelo, Mazarefes, Meixedo, Montaria, Moreira de Geraz do Lima, Mujães, Nogueira, Outeiro, Perre, Santa Leocádia de Geraz do Lima, S. Romão de Neiva, Torre, Vila Fria, Vila Mou, Vila Nova de Anha, Vila de Punhe e Vilar de Murteda.

Esta é uma valência que a Câmara Municipal e o Centro Humanitário do Alto Minho disponibilizam desde dezembro de 2020, num serviço de proximidade à população no âmbito dos Cuidados de Saúde Primários. A Unidade Móvel de Saúde tem como missão complementar, apoiar e valorizar os recursos de saúde, assim como, aumentar a solidariedade e prosperidade, mediante a proteção e promoção da saúde, a segurança humana e a melhoria da saúde pública, de acordo com diretrizes da Organização Mundial de Saúde.

“Trata-se de um importante complemento aos cuidados prestados pelo Serviço Nacional de Saúde, promovendo um acompanhamento personalizado às necessidades dos munícipes. Assume como objetivo principal promover a equidade em saúde e reforçar a rede de cuidados de saúde de proximidade, com vista a obter ganhos em saúde a longo prazo. A intervenção na comunidade é preventiva e curativa, promove a saúde e previne a doença, aumentando a literacia em saúde e contribuindo para a mudança de atitudes e comportamentos da população”, explicou o Município em nota.

Desta forma, esta terça-feira o vereador da Promoção da Saúde, Ricardo Rego, apresentou ao executivo municipal uma proposta, para o ano de 2024, que foi aprovada por unanimidade, de renovação do apoio mensal de cinco mil euros à Cruz Vermelha – Centro Humanitário do Alto Minho para implementação da Unidade Móvel de Saúde, nomeadamente para manutenção da equipa multidisciplinar.

De acordo com o protocolo entre as duas entidades, são obrigações do Município disponibilizar apoio financeiro; assegurar a disponibilidade de interlocutores para estabelecer a articulação com a Cruz Vermelha Portuguesa – Centro Humanitário do Alto Minho, no âmbito deste protocolo; acompanhar e monitorizar a execução do presente protocolo; articular com o Centro Humanitário do Alto Minho o planeamento e a execução do cronograma de ação da Unidade Móvel de Saúde; assegurar a articulação com os agentes locais no âmbito da implementação deste protocolo; assegurar a articulação com os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, E.P.E., com a Administração Regional de Saúde do Norte, I.P. e com a Unidade Local de Saúde do Alto Minho, EPE, no âmbito da implementação deste protocolo; contribuir para a melhoria contínua dos serviços prestados; garantir a comunicação no âmbito da execução do presente protocolo, através da criação de materiais de divulgação e da promoção das ações desenvolvidas nos diversos meios de comunicação do Município; partilhar informação com a Cruz Vermelha Portuguesa – Centro Humanitário do Alto Minho nas áreas consideradas necessárias para a execução do protocolo.

São obrigações do Centro Humanitário do Alto Minho: a implementação da Unidade Móvel de Saúde com as seguintes valências/áreas de intervenção: promoção de ações de sensibilização/esclarecimento com variadas temáticas; cuidados de enfermagem (apoio domiciliário, rastreios, vigilância do estado de saúde físico/psíquico); clínica geral (se necessário encaminhamento para consultas de especialidade); análises clínicas; outras atividades associadas aos cuidados de saúde primários.

É também obrigação do CHAM a vertente social na qual se implementará uma unidade de “voluntariado de proximidade”, visando combater a solidão/isolamento social de muitos idosos.

A Blisq Creative é uma agência de comunicação, especialista em planeamento estratégico, marketing digital, design e web. Orientamo-nos pela estratégia e pela criatividade

Programas de Autor

Episódios Recentes Ver Mais

Notícias

Nacional 13 Julho, 2024

Ministra do Trabalho admite mudanças no subsídio de desemprego

A ministra do Trabalho disse no parlamento, que as mudanças que defende são no subsídio social de desemprego, mas admitiu que também mudanças no subsídio de desemprego poderão acontecer após discussão em concertação social.

Música 13 Julho, 2024

Escola do Rock em Paredes de Coura arranca com mais de 40 alunos de todo o país

Mais de 40 'alunos' de vários pontos do país, de norte a sul, e até da vizinha Galiza participam na Escola do Rock, que tem a primeira chamada no próximo domingo, 14 de julho, em Paredes de Coura, e fecha o período letivo na sexta-feira seguinte com o habitual concerto final de apresentação do resultado da residência intensiva.

Opinião 13 Julho, 2024

OPINIÃO: Benefícios, desafios e impacto na vida dos doentes renais

Várias décadas de evolução na hemodiálise proporcionaram uma mudança radical no acesso ao tratamento e várias evoluções técnicas que permitiram um aumento significativo da qualidade dos tratamentos e da qualidade de vida dos doentes renais crónicos com necessidade de tratamento substitutivo renal. Longe vão os tempos em que apenas um grupo selecionado de doentes tinha acesso à diálise e, mesmo esses, tinham uma qualidade de vida bastante sofrível.

Regional 12 Julho, 2024

Melhor festival de cerveja artesanal da Península Ibérica já está a bombar em Caminha

O Artbeerfest Caminha já está a bombar e promete encher o coração da Vila, até domingo, não apenas de saborosas cervejas, mas também de música, dança, cor e alegria.

Nacional 12 Julho, 2024

DECO PROteste insiste na redução do IVA da eletricidade para todos os consumidores

A DECO PROteste considerou insuficiente o alargamento do IVA da eletricidade a 6% a mais famílias, aprovado em junho, e insistiu que aquela taxa deve ser aplicada na luz e no gás para todos os consumidores.

Regional 12 Julho, 2024

Participação prévia na alteração ao Plano de Urbanização da Cidade de Viana do Castelo e ao Plano de Pormenor para a Área Marginal ao Rio Lima até 1 de agosto

Na sequência da decisão da Câmara Municipal de Viana do Castelo, de 14 de maio do presente ano, de iniciar o procedimento de alteração ao Plano de Urbanização da Cidade de Viana do Castelo e ao Plano de Pormenor para a área marginal ao Rio Lima, entre a Ponte Eiffel e a Ponte do IC 1, em Darque, decorrem, entre 12 de julho e 1 de agosto, os períodos de participação prévia.

Regional 11 Julho, 2024

Notícias de Viana apresenta nova imagem e linha editorial

O jornal Notícias de Viana, que é propriedade da Diocese de Viana do Castelo, promoveu um evento de lançamento da sua nova imagem e linha editorial. A informar desde 1916, o título passa a ser mensal e pretende também apostar no digital.