Logo
Nacional

Só 60% das urgências, em todo o país, estarão a funcionar em pleno na próxima semana

9 Dezembro, 2023 | 8:20
Partilhar
Viana TV
1 min. leitura

A partir da próxima semana, 33 serviços de urgência em todo o país vão estar a funcionar com limitações. A informação foi divulgada pela Direção Executiva do Serviço Nacional de Saúde (DE-SNS).

Segundo o novo plano de reorganização da rede dos serviços de urgência do SNS, para o período entre 10 e 17 de dezembro, serão 50 unidades a funcionar em pleno (60%), dos 83 pontos em todo o país, e nas restantes verifica-se “uma melhoria real nas especialidades com constrangimentos e dos dias com limitações”.

Na semana entre 3 e 9 de dezembro encontravam-se 44 serviços de urgência a funcionar em pleno (53%), e os outros 39 com constrangimentos nalgumas especialidades, como a Via Verde AVC.

De acordo com o novo plano, “há uma tendência clara de melhoria na resposta, que não será alheia aos efeitos dos recentes acordos com os médicos e os impactos que estão a ter na organização das escalas”.

O plano indica que as especialidades com mais constrangimentos nas urgências são cirurgia geral, pediatria, ortopedia e ginecologia e obstetrícia, mas há quatro hospitais que apresentam, em alguns dias, limitações nas urgências da Via Verde AVC, nomeadamente Viana do Castelo, Guarda, Santarém e Garcia de Orta, em Almada.

Na Região Norte, que tem 29 pontos de urgência, serão afetadas 11 urgências em algumas especialidades.

No Centro, estarão limitados sete dos 17 pontos e na Região de Lisboa e Vale do Tejo 13 das 19 urgências estarão a funcionar condicionadas em algumas especialidades.

A Região do Alentejo tem os 12 pontos de urgência existentes sem constrangimentos e no Algarve três das seis urgências estarão condicionadas.

A Blisq Creative é uma agência de comunicação, especialista em planeamento estratégico, marketing digital, design e web. Orientamo-nos pela estratégia e pela criatividade

Programas de Autor

Episódios Recentes Ver Mais

Notícias

Regional 2 Março, 2024

Eleições: Viana TV transmite último debate com candidatos pelo circulo eleitoral de Viana do Castelo

Os cabeça de lista dos partidos com representação parlamentar, candidatos às Eleições Legislativas do próximo dia 10 de março, pelo circulo eleitoral de Viana do Castelo, fazem esta segunda-feira um último debate.

Desporto 2 Março, 2024

Voleibol Clube de Viana perdeu em casa com o Vitória SC

Em jogo da 11ª jornada da fase final do campeonato nacional da 1ª divisão de Voleibol, realizado, este sábado à tarde, a equipa sénior masculina do Voleibol Clube Viana perdeu (2-3) no Pavilhão de Santa Maria Maior com o Vitória SC, com parciais de 25-22, 25-18, 17-25, 22-25 e 13-15.

Regional 2 Março, 2024

Viana do Castelo sob aviso laranja devido à previsão de agitação marítima

Sete distritos do continente, incluindo Viana do Castelo, vão estar este sábado sob aviso laranja devido à previsão de agitação marítima, prevendo-se ondas de noroeste com 5 a 6 metros, segundo o IPMA.

Regional 2 Março, 2024

“Concertos nas Freguesias” voltam à Igreja de Santa Maria da Silva Valença

O ciclo 'Concertos nas Freguesias' regressa a Valença, este sábado, 2 de março, mais precisamente à Igreja Paroquial de Santa Maria da Silva, às 21h30, com um espetáculo de Manuel Araújo ao piano, acompanhado, como sempre, pelo Maestro Victorino d'Almeida e Miguel Leite.

Desporto 2 Março, 2024

Canal 11 transmite jogo do Santa Luzia em Fafe

A Liga Feminina Placard regressa este sábado, com seis jogos imperdíveis agendados para o final da tarde, e a contarem para a jornada 20.

Desporto 2 Março, 2024

Juventude Viana recebe hoje Académica de Espinho

A Juventude Viana recebe, este sábado às 21h00, no Pavilhão José Natário a Associação Académica de Espinho, em jogo referente à 17ª jornada do campeonato nacional de 2ª divisão de hóquei em patins.

Nacional 2 Março, 2024

Eleições: Mais de 200 mil inscritos para voto antecipado em mobilidade

Mais de 200 mil eleitores inscreveram-se para votar antecipadamente em mobilidade no domingo, uma semana antes das eleições legislativas, anunciou o Ministério da Administração Interna (MAI).