Logo
Nacional

Pai Natal dos CTT recebe cartas de crianças de todo o País

23 Dezembro, 2022 | 0:15
Partilhar
Eduarda Alves
1 min. leitura

O Pai Natal dos CTT continua a receber cartas de crianças de todo o País, de norte a sul e ilhas, mantendo vivo o espírito do Natal. Esta é uma iniciativa que adensa a magia que se vive nesta altura do ano e que ajuda a manter a tradição.

O Pai Natal dos CTT nasceu graças à espontaneidade de crianças que lhe escreviam cartas. Foi a partir de 1985 que os CTT começaram a ajudar o Pai Natal, respondendo a todas as cartas e enviando também uma pequena lembrança a cada criança. Esta é uma iniciativa icónica dos CTT que desperta nas crianças a habitual curiosidade à volta de tudo o que faz parte do Natal e há uma curiosidade nesta ação: estas são as únicas cartas que podem circular sem selo.

Para o efeito, os CTT contam com o “escritório do Pai Natal” e mobilizam sempre uma equipa especial de ajudantes que se dedica a tempo inteiro para garantir que todas as crianças (e alguns graúdos) recebem uma resposta, ajudando todos a manter o sonho do Natal bem vivo. A estas cartas de respostas os CTT juntarão um pequeno presente simbólico, que não pode saber-se qual é para não estragar a surpresa.

Para muitas crianças escrever ao Pai Natal dos CTT é a primeira experiência na escrita de uma carta, permitindo conhecer um meio tradicional de comunicação numa era digital.

Todas as cartas serão respondidas, mas é importante que tenham uma morada para que o Pai Natal dos CTT saiba para onde enviar a resposta e o respetivo brinde surpresa.

Espera-se que este ano o Pai Natal dos CTT receba cerca de 160 mil cartas. As cartas são destinadas aos locais mais comuns como o “Pólo Norte” e a “Lapónia”, mas também aos destinos mais imaginários como “A Terra do Frio” ou “O Caminho das Estrelas”.

Blisq Creative | Estratégia de Comunicação, Design, Websites e Marketing Digital
A Blisq Creative é uma agência de comunicação, especialista em planeamento estratégico, marketing digital, design e web. Orientamo-nos pela estratégia e pela criatividade

Programas de Autor

Episódios Recentes Ver Mais

Notícias

Regional 30 Janeiro, 2023

Monção organizou “O Melhor Wrap da Alimentação”

O primeiro concurso “O Melhor Wrap da Alimentação” realizou-se na EPRAMI, tendo as duas equipas finalistas, apadrinhadas por alunos do 3º ano do Curso de Cozinha e Pastelaria, apresentado as respetivas receitas ao júri do concurso.

Regional 30 Janeiro, 2023

Atleta André Pinto do Viana Remadores do Lima bate record de 17 anos

O Centro Cultural de Viana do Castelo recebeu este fim de semana, 28 e 29 de Janeiro, o Campeonato Nacional de Remo Indoor. O atleta Vianense André Pinto, do Viana Remadores do Lima, bateu um record de 17 anos também conseguido por um atleta vianense, Paulo Quesado, que na altura pertencia ao Clube Náutico de Viana do Castelo.

Regional 30 Janeiro, 2023

“Viana em Folia” de 17 a 21 de Fevereiro

De 17 a 21 de fevereiro, a iniciativa “Viana em Folia” promete trazer muita animação à cidade para celebrar o Carnaval.

Regional 29 Janeiro, 2023

Quatro autarquias do distrito de Viana formalizam constituição da Associação de Municípios da Serra d’Arga

Os municípios de Viana do Castelo, Caminha, Vila Nova de Cerveira e Ponte de Lima assinaram, em cartório, a constituição oficial da Associação de Municípios da Serra d’Arga. 

Desporto 29 Janeiro, 2023

Santa Luzia conquista mais uma vitória na Liga Feminina de Futsal

O Santa Luzia FC defrontou, este sábado, no Pavilhão José Natário, a EDC Gondomar, a quem venceu (7-2) em jogo antecipado da 18ª jornada da Liga Feminina Placar de Futsal.

Desporto 29 Janeiro, 2023

Juventude Viana perdeu em Paço d`Arcos e caiu para o último lugar do campeonato

A Juventude de Viana deslocou-se, este sábado a Paço de Arcos e perdeu na casa do último classificado do Campeonato Nacional da 1ª Divisão de hóquei em patins. A equipa de Viana do Castelo foi derrotada (2-0) e trocou de posição com o seu adversário na tabela classificativa.

Nacional 29 Janeiro, 2023

Sindicato fala em mais de cem mil pessoas no protesto em Lisboa pelas escolas

O coordenador do STOP estima que mais de cem mil pessoas estejam na manifestação este sábado em Lisboa, um "mar de gente" que aderiu ao protesto marcado há uma semana contra os serviços mínimos nas escolas.