Logo
Nacional

IPMA prevê chuva, vento, neve e agitação marítima forte este fim de semana

30 Março, 2024 | 8:20
Partilhar
Viana TV
1 min. leitura

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê chuva, vento, neve e agitação marítima forte neste fim de semana de Páscoa no continente, sendo que a Sul a precipitação vai diminuir a partir de domingo.

“Até ao domingo de Páscoa, dia 31 [de março], a precipitação continuará a ocorrer, diminuindo de intensidade e de frequência na região Sul a partir da tarde de domingo”, refere o IPMA, num comunicado, esta sexta-feira, divulgado.

“Esta precipitação pode ser acompanhada de trovoada e queda de granizo, com maior probabilidade no dia 30”, ou seja, no sábado.

O IPMA prevê queda de neve nas serras da região Norte e na Serra da Estrela.

“O vento será de oeste ou sudoeste, soprando por vezes forte no litoral e terras altas, em especial a partir da tarde de sábado, com rajadas até 65 quilómetros/hora e 75quilómetros/hora respetivamente”, adianta o instituto.

Os valores de temperatura mínima “vão variar, de um modo geral, entre 6ºC e 11°C, sendo entre -3ºC e 6°C no interior Norte e Centro”, sendo que a temperatura máxima vai oscilar entre 11ºC e 17°C, “sendo inferior a 10°C em alguns locais do interior Centro”.

Na costa ocidental registar-se-á agitação marítima forte, “com ondas de noroeste com quatro a cinco metros”, que “começará a diminuir gradualmente a partir da manhã de dia 30, mantendo-se ainda ondas de oeste ou noroeste com 3 a 3,5 metros até ao fim do dia 31, domingo de Páscoa”.

O IPMA recorda que o estado do tempo em Portugal continental “continua a ser influenciado por ondulações frontais associadas a uma vasta região depressionária que se estende desde a Islândia até à região da Madeira, cujo um dos núcleos foi a depressão Nelson que, entretanto, se deslocou para nordeste”.

A Blisq Creative é uma agência de comunicação, especialista em planeamento estratégico, marketing digital, design e web. Orientamo-nos pela estratégia e pela criatividade

Programas de Autor

Episódios Recentes Ver Mais

Notícias

Desporto 20 Abril, 2024

Juventude Viana perde na Póvoa de Varzim

A Juventude Viana perdeu (3-2), este sábado na Póvoa de Varzim, em jogo da 22ª jornada do campeonato nacional da 2ª divisão de hóquei em patins. A equipa vianense mantém o 2º lugar da classificação, mas agora com o Clube Desportivo da Póvoa apenas a um ponto.

Desporto 20 Abril, 2024

Rui Pedro Silva recandidata-se à liderança do Sport Clube Vianense

Rui Pedro Silva vai recandidatar-se à liderança do Sport Clube Vianense, nas eleições marcadas para o próximo dia 24 de maio de 2024. O anúncio foi feito na última Assembleia Geral do clube e confirmado à Viana TV,

Regional 20 Abril, 2024

Câmara de Valença com 300 mil euros positivos e execução de 20,5 ME de receita em 2023

A Câmara de Valença terminou 2023 com um resultado líquido positivo próximo dos 300 mil euros e “a maior execução da receita de sempre, no valor de 20,5 milhões de euros”, revelou a autarquia.

Regional 20 Abril, 2024

Viana do Castelo entre os distritos com menor registo de incumprimentos na limpeza de terrenos

Santarém, Castelo Branco, Braga, Coimbra e Aveiro são os distritos onde se registaram mais incumprimento da limpeza de terrenos florestais, entre 2019 e 2023, informou a Guarda Nacional Republicana (GNR).

Desporto 20 Abril, 2024

Voleibol Clube de Viana eliminado da Taça Federação

O Voleibol Clube de Viana perdeu (3-0), esta sexta-feira nos Açores frente à Fonte do Bastardo, o segundo jogo das meias finais da Taça Federação. A equipa vianense que já tinha perdido (1-3) o primeiro jogo em Viana do Castelo acabou eliminada da competição.

Cultura 19 Abril, 2024

Caminha: Exposição “50 anos, 50 autores, 50 obras” inaugura amanhã

A Galeria Guntilanis, em Vila Praia de Âncora, no concelho de Caminha, inaugura, este sábado, 20 de abril, pelas 16h00, a exposição "50 anos, 50 autores, 50 obras".

Regional 19 Abril, 2024

Três portugueses suspeitos de integrar rede criminosa espanhola

Três portugueses estão a ser investigados no âmbito do desmantelamento de uma alegada rede criminosa que operava na Galiza e no Norte de Portugal para fornecer lanchas para o narcotráfico, revelou à Lusa fonte da Guardia Civil espanhola.