Logo
Regional

Viana do Castelo lamenta proteção de catenária da ponte Eiffel provisória há cinco anos

2 Abril, 2024 | 16:54
Partilhar
Viana TV
3 min. leitura

O presidente da Câmara de Viana do Castelo lamentou hoje a demora da Infraestruturas de Portugal na implementação da solução definitiva de proteção da catenária da ponte Eiffel, provisória há cinco anos, pondo em risco a segurança de peões.

Luís Nobre, que respondia a uma interpelação do vereador independente Eduardo Teixeira, no período antes da ordem do dia da reunião camarária, adiantou que a Infraestruturas de Portugal (IP) tem, desde novembro último, uma solução definitiva para a operação, mas ainda não a implementou.

A necessidade de proteção da catenária da ponte Eiffel, com 146 anos, fica a dever-se à empreitada de modernização e eletrificação da Linha do Minho.

“Foi assumido pelo vice-presidente da IP que em janeiro iniciaria as obras. Já insiste com ele duas vezes. Começa a ser difícil para os vianenses e, para nós, que temos consciência das dificuldades e da dinâmica destes processos, compreender que uma situação provisória tenha cinco anos”, afirmou.

A agência Lusa questionou a IP, mas ainda não obteve resposta.

O autarca socialista reconheceu que a classificação, em curso, da ponte metálica como Monumento Nacional, introduz “complexidade” a qualquer intervenção na travessia, mas “é difícil entender” o tempo já decorrido.

“Pode acontecer um acidente e grave. É a segurança dos peões que está em causa”, alertou.

Segundo Luís Nobre se a operação “fosse da responsabilidade da Câmara a solução estava encontrada e implementada”.

“Já tenho dificuldade em explicar. Dei nota pública e, em privado, de que era preciso implementar uma solução definitiva o mais rápido possível”, vincou.

Luís Nobre desafiou Eduardo Teixeira, deputado eleito pelo Chega na Assembleia da República, a resolver a situação.

“Tem uma oportunidade para, na Assembleia da República questionar o novo ministro das Infraestruturas”, afirmou.

Em outubro de 2023, na sequência de uma interpelação da vereadora da CDU, Cláudia Marinho, ao presidente da autarquia, a IP revelou que iria implementar, em 2024, a solução definitiva de proteção da catenária, após parecer favorável condicionado da Direção Geral do Património Cultural (DGPC).

Em resposta, por escrito, a um pedido de esclarecimento da agência Lusa, a IP adiantou estar “a rever o pormenor de fixação dos painéis de acrílico” na ponte centenária, desde 2019, em processo de classificação como Monumento Nacional, “por forma a mitigar o impacto visual da solução a instalar, atendendo ao parecer da DGPC”.

A IP previa contratar a execução das novas vedações no decorrer de 2024, “o que permitirá a remoção das redes provisórias e a reabertura da circulação pedonal do passeio do tabuleiro superior rodoviário da ponte Eiffel existente do lado da via-férrea”.

Segundo a empresa pública, não está estimado o valor a investir nesta intervenção.

A modernização da Linha do Minho, que representou um investimento total de 86 milhões de euros, foi cofinanciada com 68 milhões de fundos do programa Compete 2020.

A eletrificação do troço Nine – Viana do Castelo, que ficou concluída em julho de 2019, custou 16 milhões, e a eletrificação do troço Viana do Castelo – Valença, concluída em 2021, custou 18 milhões de euros.

A ponte tem 645 metros de comprimento, é composta por dois tabuleiros metálicos, sendo o superior rodoviário, para trânsito automóvel e pedestre, e o inferior ferroviário.

Em 2020, a DGPC propôs a classificação a ponte metálica sobre o rio Lima como monumento nacional, fundamentando a decisão com um parecer favorável emitido pela secção do Património Arquitetónico e Arqueológico do Conselho Nacional de Cultura.

A proposta de classificação foi formalizada pela Câmara de Viana do Castelo, em 2018.

Inaugurada em 1878, a ponte metálica sobre o rio Lima foi desenhada pela casa Eiffel de Paris e substituiu a ponte em madeira que ligava o então terreiro de São Bento à margem esquerda do rio Lima, junto à capela de São Lourenço, na freguesia de Darque.

A Blisq Creative é uma agência de comunicação, especialista em planeamento estratégico, marketing digital, design e web. Orientamo-nos pela estratégia e pela criatividade

Programas de Autor

Episódios Recentes Ver Mais

Notícias

Opinião 17 Abril, 2024

OPINIÃO: “Arbitragem – O Refúgio dos Incompetentes”

De Norte a Sul do país, das competições regionais até às competições profissionais de futebol o tema recorrente foi, é e será, a arbitragem.

Regional 17 Abril, 2024

Trabalhos de reabilitação das ruas da Retorta e do Bulhente em “fase bastante adiantada”

Encontram-se em "fase bastante adiantada" os trabalhos de reabilitação das ruas da Retorta e do Bulhente, em Vila Praia de Âncora, uma das zonas bastante afetadas pelas intempéries que, no início do ano passado, causaram profundos estragos por todo o concelho de Caminha.

Nacional 17 Abril, 2024

Desmantelada em Portugal e Espanha rede de narcotráfico e branqueamento

Uma rede criminosa internacional de tráfico de estupefacientes e branqueamento de capitais, ativa há oito anos na União Europeia e América do Sul, foi desmantelada em Portugal e Espanha e detidos 20 suspeitos, informou hoje a Polícia Judiciária (PJ).

Regional 17 Abril, 2024

Assembleia Jovens de Abril fez-se ouvir nos Paços do Concelho de Valença

Dezenas de alunos do Agrupamento de Escolas Muralhas do Minho, em Valença, deram corpo e voz às suas ideias e anseios na Assembleia Jovens de Abril, que decorreu, esta quarta-feira, 17 de Abril, nos Paços do Concelho. 

Regional 17 Abril, 2024

Ponte de Lima: Museu dos Terceiros expõe festa e procissão de Nossa Senhora das Dores

O Museu dos Terceiros, em Ponte de Lima, inaugura, esta sexta-feira, pelas 18h00, a exposição "A Festa e Procissão de Nossa Senhora das Dores em Ponte de Lima" que “põe em evidência a devoção” do concelho àquela santa, foi hoje divulgado.

Regional 17 Abril, 2024

Centro Social e Cultural de Barroselas vai ser alvo de melhorias nas instalações

O Presidente da Câmara Municipal de Viana do Castelo, Luís Nobre, assinou um Protocolo de Cooperação e Apoio Financeiro ao Centro Social e Cultural de Barroselas para a 1ª fase de melhorias nas instalações desta Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS), momento que contou também com a presença da Vereadora da Coesão Social, Carlota Borges, e do Presidente da União de Freguesias de Barroselas e Carvoeiro, Rui Sousa.

Regional 17 Abril, 2024

Município de Valença vai apoiar Apicultores

O Município de Valença vai apoiar os apicultores locais através da oferta de meias alças lusitanas e lâminas alveoladas, iniciando assim um processo de modernização da apicultura local.

Cultura 17 Abril, 2024

“Ciclo de Polinização Musical” está de regresso a Paredes de Coura em maio

Lula Pena, Daniel Pereira Cristo e a dupla galega Xisco Feijoó e María Vidal são alguns dos nomes do cartaz do Ciclo de Polinização Musical de Paredes de Coura, agendado para maio, revelou hoje a autarquia.