Logo
Regional

Mau tempo: Zona histórica de Arcos de Valdevez sem água após regulação do caudal do rio Vez

26 Outubro, 2023 | 12:32
Partilhar
Viana TV
Menos de 1 minuto de leitura

A zona histórica da Valeta, em Arcos de Valdevez, encontrava-se sem água, cerca das 11h00, depois de ter sido inundada, durante a madrugada, pelas águas do rio Vez, disse o vereador da proteção civil municipal.

Olegário Gonçalves adiantou que as cheias naquela zona do concelho de Arcos de Valdevez foram causadas pelas descargas da barragem de Touvedo, no concelho de Ponte da Barca que, “cerca das 06h30, debitava 500 metros cúbicos de água, por segundo”. “Quando a barragem está a debitar muita água e, ao mesmo tempo, chove intensamente em Arcos de Valdevez, o rio Vez recua e provoca inundações na Valeta”, explicou.

Segundo o vereador com o pelouro da proteção civil municipal, os pontilhões (pequenas pontes) de Gondoriz e Rio de Moinhos, continuam cortados à circulação rodoviária.

Olegário Gonçalves referiu que “todos os serviços municipais estão no terreno para desobstruir vias afetadas por dezenas de derrocadas em praticamente todo o concelho”.

A derrocada “mais preocupante” ocorreu num muro situado junto a uma rotunda, na entrada da vila. “Há perigo de desabar mais muro. Os serviços técnicos do município já estão a avaliar a situação”.

Fotografia de João Barros

A Blisq Creative é uma agência de comunicação, especialista em planeamento estratégico, marketing digital, design e web. Orientamo-nos pela estratégia e pela criatividade

Programas de Autor

Episódios Recentes Ver Mais

Notícias

Regional 21 Maio, 2024

Governo pede urgência em inquérito à morte de doente no hospital de Viana do Castelo

O Ministério da Saúde pediu que o inquérito aberto pela Unidade Local de Saúde do Alto Minho para apurar as circunstâncias da morte de um doente no hospital de Viana do Castelo “decorra com a urgência desejável”.

Regional 21 Maio, 2024

Três hectares de baldios em Arcos de Valdevez reflorestados com 1.350 laranjeiras

A REN – Redes Energéticas Nacionais e a União de Freguesias de São Jorge e Ermelo, em Arcos de Valdevez, plantaram hoje mais de 1.350 laranjeiras em três hectares de terrenos atravessados por linhas de transporte e energia.

Regional 21 Maio, 2024

Foco de surto de ‘legionella’ em Caminha que causou um morto ficou por identificar

O surto de ‘legionella’ que surgiu em novembro em Caminha afetou 10 pessoas, provocou um óbito e a fonte de contaminação não foi identificada, revelou hoje à Lusa o delegado de Saúde do Alto Minho.

Regional 21 Maio, 2024

Hospital de Viana do Castelo abre inquérito à morte de doente na urgência

A Unidade Local de Saúde do Alto Minho abriu um processo de inquérito para apurar as circunstâncias da morte de um homem na urgência do hospital de Viana do Castelo, na sexta-feira, a quem foi atribuída a pulseira verde.

Regional 21 Maio, 2024

CIM Alto Minho formaliza assinatura do Compromisso C-Academy com CNCS

A Comunidade Intermunicipal do Alto Minho (CIM Alto Minho) e o Centro Nacional de Cibersegurança (CNCS) acabam de formalizar a assinatura do Compromisso C-Academy, que comtempla o desenvolvimento de um programa de formação avançada em cibersegurança destinado a colaboradores das câmaras municipais e da comunidade intermunicipal.

Regional 21 Maio, 2024

Caminha: Presidente da APIMIL explicou perigos da proliferação da Vespa Asiática e métodos de combate

A vespa velutina ou asiática veio para ficar e as alterações climáticas vão alargar as áreas onde a espécie está presente. São perigosas, têm enorme impacto nos apiários, na economia, no ambiente e até na saúde pública, mas a boa notícia é que são controláveis e com relativa facilidade, através de “armadilhas” que todos temos em casa. A ideia poderia de alguma forma sintetizar a comunicação do presidente da APIMIL - Associação dos Apicultores de Entre-Minho e Lima, Alberto Dias, ontem, na sessão que assinalou o Dia Mundial da Abelha e que teve lugar na Incubadora Verde, em Argela.

Cultura 21 Maio, 2024

“Cantar de Galo” sobe ao palco do centro cultural de Paredes de Coura 

Esta sexta-feira, dia 24 de maio, a companhia Mala Voadora traz a Paredes de Coura a sua recente estreia "Cantar de Galo", que culmina numa discussão entre o Galo de Barcelos e Salazar. Um "solo" de Jorge Andrade com texto do Pulitzer Robert Schenkkan, no Centro Cultural, às 21h30.