Logo
Nacional

INEM reforça dispositivo de meios de emergência para o Outono e Inverno

7 Dezembro, 2022 | 10:16
Partilhar
Eduarda Alves
2 min. leitura

O Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) reforçou o dispositivo de emergência médica nacional, para acautelar e garantir uma resposta mais eficaz do Sistema Integrado de Emergência Médica (SIEM) a situações de acidente ou doença súbita. Este reforço traduz-se no acréscimo de 37 meios de emergência médica e integra-se no Plano de Resposta Sazonal em Saúde - Inverno 2022/2023 do Ministério da Saúde.

No quadro da preparação da Resposta Sazonal em Saúde, o INEM desenvolveu um plano de reforço do dispositivo de meios de emergência que se traduz no acréscimo de 37 meios, a operar inicialmente entre os dias 1 e 31 de dezembro.

Tal como nos restantes meses do ano, o INEM irá acompanhar de forma permanente o número de ocorrências e acionamentos. Deste modo, poderá identificar necessidades de reajustamento em função da procura e da resposta operacional efetiva e dimensionar adequadamente o reforço do dispositivo para o período compreendido entre janeiro e abril de 2023.

Na região Norte do país, os concelhos de Braga, Santa Maria da Feira, Porto, Vila Nova de Gaia, Matosinhos e Vila do Conde foram reforçados com 13 Ambulâncias de Socorro operadas diretamente pelos Corpos de Bombeiros e Cruz Vermelha Portuguesa (CVP), parceiros do INEM no âmbito do SIEM. Os BV Portuenses operacionalizam ainda um Motociclo de Socorro no concelho do Porto.

Na região Centro, o concelho de Viseu foi reforçado com uma Ambulância de Socorro operada pelos BV de Viseu.

A Sul, os distritos de Setúbal, Lisboa e Santarém contam com um acréscimo de 18 Ambulâncias de Socorro nos concelhos do Montijo, Barreiro, Palmela, Santiago do Cacém, Sesimbra, Loures, Oeiras, Sintra, Santarém e Benavente. Os BV Cacilhas asseguram ainda o funcionamento de um Motociclo de Socorro no concelho de Almada.

Recorde-se que no concelho de Lisboa, o INEM conta com o Dispositivo Integrado Permanente de Emergência Pré-Hospitalar que, desde setembro de 2022, para além das habituais seis Ambulâncias de Socorro ao serviço da população, conta com um acréscimo de seis Ambulâncias.

A região algarvia tem ao dispor três Ambulâncias de Socorro adicionais para reforçar os concelhos de Lagos e Albufeira, operadas pelos BV Lagos e CVP Silves/Albufeira.

Enquanto entidade responsável pelo SIEM em Portugal continental, cabe ao INEM acompanhar e analisar de forma constante as necessidades reais da população e, sempre que necessário, ajustar ou reforçar os meios de emergência para adequar a capacidade do sistema.

O INEM aproveita a oportunidade para recordar uma informação que pode salvar vidas: Ligue 112 apenas em caso de emergência. Lembre-se que os meios de emergência médica pré-hospitalar devem ser utilizados apenas em situações onde exista perigo de vida iminente.

Em todas as situações não emergentes, o cidadão deve entrar em contacto com o SNS 24, através do número 808 24 24 24, para referenciação e aconselhamento adequados.

O Instituto Nacional de Emergência Médica é o organismo do Ministério da Saúde responsável por coordenar o funcionamento, no território de Portugal Continental, de um Sistema Integrado de Emergência Médica, de forma a garantir aos sinistrados ou vítimas de doença súbita a pronta e correta prestação de cuidados de saúde.

A prestação de cuidados de emergência médica no local da ocorrência, o transporte assistido das vítimas para o hospital adequado e a articulação entre os vários intervenientes do Sistema, são as principais atribuições do INEM. Através do Número Europeu de Emergência – 112, este Instituto dispõe de múltiplos meios para responder a situações de emergência médica.

 

 

Blisq Creative | Estratégia de Comunicação, Design, Websites e Marketing Digital
A Blisq Creative é uma agência de comunicação, especialista em planeamento estratégico, marketing digital, design e web. Orientamo-nos pela estratégia e pela criatividade

Programas de Autor

Episódios Recentes Ver Mais

Notícias

Regional 30 Janeiro, 2023

Monção organizou “O Melhor Wrap da Alimentação”

O primeiro concurso “O Melhor Wrap da Alimentação” realizou-se na EPRAMI, tendo as duas equipas finalistas, apadrinhadas por alunos do 3º ano do Curso de Cozinha e Pastelaria, apresentado as respetivas receitas ao júri do concurso.

Regional 30 Janeiro, 2023

Atleta André Pinto do Viana Remadores do Lima bate record de 17 anos

O Centro Cultural de Viana do Castelo recebeu este fim de semana, 28 e 29 de Janeiro, o Campeonato Nacional de Remo Indoor. O atleta Vianense André Pinto, do Viana Remadores do Lima, bateu um record de 17 anos também conseguido por um atleta vianense, Paulo Quesado, que na altura pertencia ao Clube Náutico de Viana do Castelo.

Regional 30 Janeiro, 2023

“Viana em Folia” de 17 a 21 de Fevereiro

De 17 a 21 de fevereiro, a iniciativa “Viana em Folia” promete trazer muita animação à cidade para celebrar o Carnaval.

Regional 29 Janeiro, 2023

Quatro autarquias do distrito de Viana formalizam constituição da Associação de Municípios da Serra d’Arga

Os municípios de Viana do Castelo, Caminha, Vila Nova de Cerveira e Ponte de Lima assinaram, em cartório, a constituição oficial da Associação de Municípios da Serra d’Arga. 

Desporto 29 Janeiro, 2023

Santa Luzia conquista mais uma vitória na Liga Feminina de Futsal

O Santa Luzia FC defrontou, este sábado, no Pavilhão José Natário, a EDC Gondomar, a quem venceu (7-2) em jogo antecipado da 18ª jornada da Liga Feminina Placar de Futsal.

Desporto 29 Janeiro, 2023

Juventude Viana perdeu em Paço d`Arcos e caiu para o último lugar do campeonato

A Juventude de Viana deslocou-se, este sábado a Paço de Arcos e perdeu na casa do último classificado do Campeonato Nacional da 1ª Divisão de hóquei em patins. A equipa de Viana do Castelo foi derrotada (2-0) e trocou de posição com o seu adversário na tabela classificativa.

Nacional 29 Janeiro, 2023

Sindicato fala em mais de cem mil pessoas no protesto em Lisboa pelas escolas

O coordenador do STOP estima que mais de cem mil pessoas estejam na manifestação este sábado em Lisboa, um "mar de gente" que aderiu ao protesto marcado há uma semana contra os serviços mínimos nas escolas.